Pombinha

A pombinha voou, voou
E do embaraço do laço (do amor)
Ela nunca mais soltou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *